Dominique Gonzalez-Foerster

Dominique Ganzalez-Foerster
XXL Color Books, 2001
Júlio Dolbeth e Rui Vitorino Santos
imagem: Miguel Torga, Bichos

Catálogos de Cor XXL (2001)
Transforma o teu livro favorito num catálogo de cores
de tamanho xxl:

*Aumenta o livro original 10 vezes (ou 20 vezes);
se o livro tem 12 × 18 cm. – passará a ter 1.20 × 1.80 m
de tamanho.

*Divide o número de páginas por 10 (ou por 20)
120 páginas passarão a 12 páginas, 256 páginas ficarão
26 páginas e assim por diante… (ou 13 páginas se
dividido por 20)

* Escolhe uma ou mais cores relacionadas com o
conteúdo do livro, por exemplo, páginas pretas para
“O Perfume da Dama de Negro” de Gaston Leroux.

* Utiliza um material que possa ser colocado no chão,
como alcatifa ou tecido, material macio para usar como
mobiliário ou outra utilização doméstica.

* Une as páginas pelo lado esquerdo – deve ser possível
abrir as páginas e virá-las como um livro real.

* Coloca o livro de cores no chão.
Abre-o – Há tantas maneiras de entrar num livro,
também é possível sentar, dormir e sonhar sobre ele.

Sobre a artista
Dominique Gonzalez-Foerster (30 de junho de 1965, Estrasburgo) é uma artista de grande influência internacional para a arte contemporânea. Tem uma obra muito variada, abrangendo a instalação, a fotografia e a projeção vídeo, tendo também trabalhado em design e design e paisagem. “Procuro sempre processos experimentais. Ao início não sei como fazer as coisas, mas depois começo a aprender. Muitas das vezes já não consigo ter esta possibilidade em exposições”.

Esta informação foi extraída de: http://www.tate.org.uk/art/artists/dominique-gonzalez-foerster-10354

+ processo